1 ano de Irlanda e o que ganhei com isso!

Foto tirada nesse exato momento (07-04-2015 as 16:40) da minha janela =P

Hoje é oficialmente nosso aniversário de Irlanda. Dá para acreditar que já faz um ano que chegamos aqui? Há exatamente um ano atrás nesse mesmo horário que estou escrevendo (15:48) estávamos no nosso quarto de hostel, mortos de cansados de toda a viagem que fizemos em NY, um tantinho apreensivos com o que estava por vir, afinal éramos somente eu, o Lucas, 4 malas, 1 mochila e 1 big bolsa em um país desconhecido, sem uma casa para morar, sem falar inglês direito. Naquele mesmo dia já estávamos desbravando o novo, era nosso primeiro quarto de hostel. Foi ali que descobrimos que hostel era ok, mas se tiver como pagar por um hotel é melhor ainda =D

Foram tantas emoções nesse 1 ano, correr atrás de uma casinha para chamar de nossa, voltar para a sala de aula, descobrir que nosso inglês era bem ruizinho para depois vê-lo melhorando diariamente. Aprendemos que é possível viver em um ap minúsculo de dois cômodos, a felicidade não depende do local onde você está, mas com quem você está. Mas que a verdade seja dita: conforto é bom e todo mundo gosta!

Conhecemos gente de vários países, aprendemos um pouquinho com cada um que passou por nossa vida. Mas as amizades por aqui são passageiras, já que temos que dizer Good Bye com muita frequência.

blackrock-castle

Blackrock Castle em Cork.

Descobrimos que o mundo ama o Brasil e as pessoas adoram saber um pouquinho mais da nossa terra. Aliás, falando em Brasil, quando saí de lá eu já sabia que ele não tinha apenas desvantagens, eu tinha certeza que apesar de todos os problemas o Brasil tinha muita coisa positiva, e um ano depois posso dizer que comprovei minha teoria. Não existe lugar 100% perfeito e nem imperfeito. O povo brasileiro é único, as belezas naturais são tão maravilhosas, muitas vezes até mais, que muitos países por aí. A comida… ahhh a comida, preciso nem falar né?! Tem muitas outras qualidades. E se você acha que só no Brasil o telemarketing é terrível, fique sabendo que as minhas piores experiências com esse tipo de atendimento eu tive aqui, já fiquei mais de uma hora (sem exagero) no telefone esperando ser atendida para no fim das contas a ligação cair. Esperamos semanas para ligarem internet, passamos muita raiva por aqui.

Tivemos a oportunidade de viver em duas cidades da Irlanda e visitar mais umas 15. Em um ano conhecemos 6 países diferentes, passamos o frio mais frio das nossas vidas, passamos perrengues, nos divertimos, andamos kilometros e mais kilometros em um único dia. Aprendemos a viajar com apenas uma mochila nas costas e tivemos a certeza de que a cada viagem voltamos um pouquinho mais ricos. Ricos de conhecimento, de experiências, de memórias e por que não de selfies?

É inacreditável o tanto que aprendemos só de sair da nossa zona de conforto. A verdade é que não consigo nem mensurar nesse único post tudo que vivemos e aprendemos. Saímos do Brasil querendo conhecer o mundo, viver uma vida diferente, sempre sonhamos com isso. Esse sonho começou a ser gerado ainda não estávamos nem na casa dos 20, planejamos e desistimos várias vezes, mas isso foi bom, porque tudo tem sua hora e sabemos que Deus preparou o nosso momento para a gente. Até que 2 anos atrás dissemos: Vamos?! Vamos!! E trabalhamos muito, economizamos muito, abrimos mão de muita coisa, aprendemos a desapegar de tudo, vendemos tudo (ou quase tudo rs) tivemos que nos despedir de todo mundo que a gente mais ama. Para finalmente realizar o nosso sonho. Porque tudo na vida tem seus sacrifícios. Mas hoje vemos que valeu e está valendo muito a pena.

E de presente de primeiro ano vamos ganhar nossas primeiras visitas vindas do Brasil. Semana que vem meus sogros chegam aqui e depois desses mais de 365 dias veremos novamente algumas pessoas que nos conhecem e fazem parte da nossa história. E sim, isso é muito reconfortante, porque apesar de conhecer gente nova ser muito legal, nada se compara a reencontrar pessoas que amamos e que a gente sabe que nos amam e se importam de verdade =D

Deixo aqui meu recadinho para você aí que tem o desejo, nem que seja do tamanho de uma sementinha, de arriscar a sair da zona de conforto e se aventurar no mundo: Faça isso! Não será fácil, nem tudo será flores, mas terão muitas flores, sorrisos, aprendizados e no fim das contas até as dificuldades virarão boas histórias para contar.

E que venham os próximos anos de aventuras!

Últimos Comentários
  • Ai que saudade!!!
    Parabéns por esse um ano!!! e que venham muitos anos de experiências e aventuras!!!
    Amo vcs !!!

  • Que texto lindo, que post lindo! Encorajador, preciso dizer. Deu vontade de levantar aqui da cadeira, desligar o laptop, deixar tudo pra trás e correr atrás de uma vida melhor. Concordo com você que não existe lugar perfeito, que mudar pra outro lugar faz com que a gente de valor a coisas pequenas. Mas eu tenho a sorte (ou azar) de não ter taaanto o que perder, por assim dizer. Então sair da zona de conforto pra mim não seria um desafio tão grande. Mesmo assim, já é um desafio.
    E parabéns pra vc e Lucas, porque essa decisão quase nunca é fácil.
    Felicidades, sucesso e sorte pra vocês!

  • E agora que vi seu slogan novo, seu topo novo. Quero um também!
    Huahuahuhauhaua. To brincando.
    Beejo!

  • Parabéns pelo seu 1 ano de Irlanda. Cai no seu blog por um acaso a alguns meses atrás procurando informações sobre cork e agora estou aqui a 24 horas do meu embarque para Irlanda. É Um misto de ansiedade, medo, felicidade e receio.
    Realmente como você disse não existe lugar perfeito, nós é quem temos que fazer o melhor para tornar as coisas perfeitas.

  • Oi! Adorei seu blog e já está nos meus favoritos. Estou planejando meu intercâmbio para a Irlanda em agosto, ler esse post me deixou mais animada e confiante. Parabéns pelo seu 1º ano de Irlanda!

  • Olá Cynthia!

    Eu e meu marido chegamos ontem em Cork. Temporariamente estamos no hostel e agora corremos atrás de um quarto/studio/ap/casa definitivo, mas vimos pouquíssimas opções para casais, preferencialmente próximo da escola. Alem do Daft, vc sabe de alguem que esteja interessado em dividir ou que tenha algo para alugar/indicar??

    Muito obrigada!

      • Olá Cynthia!

        Obrigadaaa!
        😉

        Conseguimos alugar um quarto!! Yeahhh

        Obrigada!!
        ;-*

  • Bom dia, Flávia tenho acompanhado seus post e foi assim que decidimos em ir para Cork, tenho feito várias pesquisas sobre a cidade, cultura e sua história e a cada dia que passa temos a certeza que estamos no caminho certo.Vocês poderiam me ajudar em indicar alguma assessoria na Irlanda, pois estou terminando meu processo de cidadania italiana e quando for pra ir definitivamente em junho de 2016 irei requerer o passaporte europeu para meu filho de 6 anos, para depois ele vim pra Irlanda com meu esposo. Desde já agradeço muti sua ajuda

    • Cynthia , perdão estava falando com minha amiga aqui no Brasil e troquei os nomes

DEIXE UM COMENTÁRIO