Aprenda a parar de insistir.

O pensamento coletivo diz que desistir é para os fracos, os sem perseverança, ou para aqueles que não conseguem correr atrás dos objetivos. Isso pode até ser verdade em muitos casos, porém, saber desistir, ou melhor, parar de insistir, pode ser um sinal de sabedoria e maturidade. Você deve estar se perguntando como isso pode ser verdade.

Acontece que existem situações em que planejamos coisas, temos ideias e, então, estipulamos prazos. A partir daí nos fixamos naquilo e queremos que a coisa aconteça a todo custo. Batalhar para obter sucesso é mais que certo, porém dentro de um limite, suas metas precisam ser realistas. É preciso ter sempre em mente que determinadas coisas precisam acontecer no momento correto e talvez tentar, tentar e tentar, mesmo depois de ver que o projeto não está fluindo, é “dar murro em ponta de faca”.

Lembro que quando estava na faculdade um professor sempre dizia que não devíamos nunca nos apaixonar por nossas ideias, afinal isso poderia nos cegar e, assim, caso tal ideia não fosse realmente viável, não conseguiríamos nos desapegar dela. Levo isso para a vida.

Não estou defendo que você deve desistir dos seus sonhos, o parar de insistir que coloco aqui, pode ser um “aguardar o momento propício”. Diariamente recebo emails de pessoas que desejam fazer intercâmbio, mas ainda não possuem o dinheiro suficiente, e mesmo assim querem vir, na esperança de arrumar um emprego quando chegar e então pagar o que falta. Meu conselho sempre é aguardar, juntar um pouco mais de dinheiro e então vir. Planejamento é fundamental e pode poupar muitas dores de cabeça. Nem todos sabem abrir mão de suas metas, mas em um caso como esse, adiar o intercâmbio, por exemplo, é sinal de sabedoria. Já pensou se o plano de arrumar um emprego não se concretize no momento que você espera e seu dinheiro acabe? Você estará em um país desconhecido, sem muito amparo, a situação pode se tornar um pesadelo.

O mesmo vale para outras questões da vida. Se você está tentando fazer algum negócio dar certo, mas esse negócio insiste em não fluir, pode ser que ele não seja viável, ou o momento não é o melhor. Vender gelo na Antártica não é a melhor estratégia, desistir de implementar o negócio lá e fazê-lo no Caribe só revela que você é sábio, não que você é fraco. Nessa linha de raciocínio é possível citar diversas situações em que desistir não é errado, mas cada um deve identificar essas situações dentro de suas próprias vidas.

Então aprenda a parar de insistir! Ou esperar. Tenha em mente que correr atrás do vento só fará você gastar energia e se frustrar. Mas nunca deixe de sonhar e continuar tentando quando a situação parecer de fato viável. Desistir, perseverar, lutar, correr atrás, esperar, tudo isso é sinal de sabedoria quando usado no momento correto.

Compartilhe esse post
Sem comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO